.

.

10/01/2019

Roger Waters quer tocar The Wall na fronteira entre EUA e México



Roger falou sobre significado da canção


Em entrevista ao AFP, Roger Waters expressou a vontade de apresentar o álbum The Wall, do Pink Floyd, ao vivo em algum lugar da fronteira entre os Estados Unidos e o México [via Euro News]:

"Mas antes que isso aconteça, precisa acontecer um despertar das pessoas contra as políticas de extrema direita. Os esgotos estão cheios de homens gananciosos e poderosos". 

Sobre o significado do álbum, o músico explicou [via Loudwire]: "É muito relevante agora com o Sr. Trump e toda sua conversa de construir muros e criar o máximo de animosidade entre raças e religiões. O álbum é sobre como a construção de muros pode ser prejudicial em um nível pessoal, mas também em um sentido maior".




05/01/2019

Pink Floyd divulga vídeo de "Set The Controls" em programa de TV de 1968




Mais um vídeo vintage postado no canal oficial do Pink Floyd do youtube: "Set the Controls for the Heart of the Sun" registrado no "All My Loving" de Londres em 28 de março de 1968.

A versão de estúdio desta música está no segundo álbum do Pink Floyd, "A Saucerful of Secrets", lançado em 29 de junho de 1968, único a contar com os cinco integrantes da banda - Syd Barrett, Roger Waters, Richard Wright, Nick Mason e David Gilmour, sendo o último disco que traz a participação de Syd. Por sinal, "Set The Controls..." é a única canção em que os cinco tocam juntos.





Whiplash.Net
Por Bruce William, Fonte: Pink Floyd

As melhores canções do Pink Floyd compostas por Syd Barrett, segundo Nick Mason

Os primórdios dos Pink Floyd avaliados por quem lá esteve


Nick Mason tem tido uma vida ocupada desde o fim dos Pink Floyd. O baterista tem andado em digressão com a sua própria banda, os Nick Mason’s Saucerful of Secrets, sem no entanto esquecer o grupo que lhe deu fama.

No entanto, quem vir Mason ao vivo poderá não escutar canções como 'Another Brick In The Wall' ou 'Money'; o músico tem interpretado, de forma exclusiva, as canções compostas pelo grupo antes do sucesso alcançado com "The Dark Side of the Moon".

Muitas dessas canções são da autoria de Syd Barrett, membro original dos Pink Floyd, que abandonaria os britânicos em 1968. E a revista Rolling Stone aproveitou a deixa para perguntar ao baterista quais desses temas são os seus prediletos.

Veja aqui a lista das cinco melhores e as justificações de Mason:


'Astronomy Domine'


"É muito divertido tocá-la por causa do andamento. Lembra o Ginger Baker, que foi uma grande influência. A canção começa com o nosso manager a ler os nomes dos planetas - eram tempos em que os managers se envolviam nos negócios e nas decisões artísticas"


'Bike'


"A letra é muito Syd, incrivelmente inteligente. É divertida, mas há uma certa tristeza presente. Quando a ouço hoje em dia, percebo o quão jovens e imaturos éramos, e o quão desesperados ficámos por tentar perceber o esgotamento do Syd"


'Interstellar Overdrive'


"É um tema aberto à improvisação e reinterpretação. Os riffs do início podem ser livremente tocados de muitas formas diferentes"


'Vegetable Man'


"Soa bastante simples, mas é mais complicada que isso, quase punk. Houve tantas canções escritas pelo Syd num tão curto período de tempo. Menos de dois anos desde o nosso primeiro concerto, em outubro de 1967. À altura só tínhamos duas ou três originais"


'Arnold Layne'


"É uma canção muito invulgar. Faz parte daquela cena de finais da década de 60 em que, de repente, as canções eram mais do que apenas 'vou engatar-te, querida'. O estranho é que em 1966-67 pensávamos que queríamos ser uma banda R&B, e distraímo-nos desse objetivo com canções como esta"



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

David Gilmour


Por gentileza informe links quebrados - Please report broken links

Nome

E-mail *

Mensagem *