.

.

09/11/11

Mainhorse - Mainhorse (1971)


Pale Sky


Patrick Moraz, conceituado tecladista, nasceu 24 de julho de 1948. Graduou-se no Conservatório de Lausanne. Em 1968, fundou sua primeira banda "Mainhorse" juntamente com o bom amigo (baixista) Jean Ristori. Um grupo revolucionário de rock progressivo, um grupo symph típico, mas extremamente talentoso e pesado, temperado e reforçado por órgãos ao comando de Moraz e improvisos e muita técnica no cello e baixo de Ristorialém do extraordinário Bryson Graham, com sua bateria ao estilo das big bands, enchendo o lugar como um trovão, (Graham iria se consagrar no Spooky Tooth e com Alvin Lee e o Ten Years After no Pump Iron 1975, infelizmente morreu com apenas 41 anos), e o bom guitarrista e vocalista Peter Lockett soando um pouco como Roye Albrighton de Nektar

Such a Beautiful Day

De 69 a 71, o grupo imprimiu um intenso rítimo de concertos na Inglaterra, Europa Ocidental e no Oriente Médio. Durante o período de 1970 a banda assinou contrato com a Polydor, e em 1971 gravou nos estúdios do Deep Purple em Kingswayo, quando seu álbum homônimo foi lançado. 

Patrick Moraz diz: "Minha primeira experiência profissional no rock progressivo foi "Mainhorse". Nós estivemos visitando a Suíça, a Alemanha e a França  No final, fomos para o Reino Unido e gravamos nosso único álbum lá. A gravação levou apenas cerca de uma semana e a maioria das canções neste disco são minhas. Elas eram muito complexas e progressistas para a época, uma série de dinâmicas e arranjos de passagens intricadas, bem como certa influência dos clássicos". 

Foi trabalho de alta qualidade dentro gênero art-rock, muito similar em estilo ao Yes (mesmo as harmonias vocais são muito semelhantes).O álbum se tornou muito bem conceituado entre os fãs de prog, porém o sucesso comercial na ocasião não foi suficiente, e a banda se desfez. Graham foi para Spooky Tooth. Moraz e Ristori turnê no Japão e no Extremo Oriente, com um balé brasileiro em 1972. Mais tarde continuou Moraz um bom trabalho em grupos como "Refugee" (ex-Nice), Yes e The Moody Blues, assim como inúmeros trabalhos solo foram lançandos. Moraz permaneceu ao longo de sua carreira em estreito contato com Jean Ristori. 

A projeção mais evidente como um músico de rock progressivo de Patrick Moraz se deu no Yes, quando ele substituiu  Rick Wakeman em agosto de 1974. O aparato de instrumentos de teclados eletrônicos pela situação financeira de uma banda top internacional, permitiu-lhe oportunidade de desenvolver-se em novas tecnologias e alternativas dentro do seu trabalho no álbum Relayer em 1974. Após a conclusão do projeto, a banda entrou em turnê (Relayer tour, 08 de novembro de 1974 a 23 de agosto de 1975, 89 shows). Em 1976 todos os membros do grupo desenvolveram álbuns solo e Moraz contribuiu para álbuns de Steve Howe e Squire Chris em sua maneira peculiar de tocar teclado. O Trabalho conjunto com outros músicos incluem álbuns com Chick Corea,  um duo Moraz / Syrinx  em 1980 e outro duo Moraz / Bruford, 1983. Depois da turnê Relayer, optou por ingressar no Moody Blues (1977/1991). Boa audição!

Passing Years 
Year: 1971
Style: Progressive rock
Country: Switzerland / UK



Line-up

  • Patrick Moraz : Vocais, Teclas
  • Peter Lockett (lead guitar, violin and vocals),
  • Jean Ristori (bass, cello and vocals) 
  • Bryson Graham (drums and percussion)


Patrick Moraz

Tracks:

  1. Introduction (5:09)
  2. Passing Years (3:55)
  3. Such a Beautiful Day (4:44)
  4. Pale Sky (10:17)
  5. Basia (5:32)
  6. More Tea Vicar (3:33)
  7. God (10:31)

Total Time : 43:41

Audio: APE (image+.cue+log)
Size: 270 mb (3% recovery incl.)

FLAC
fileserve1 (200 MB)
fileserve2 (69.23 MB)
ou

APE
rapidshare1 (104.86 MB)
rapidshare2 (104.86 MB)
rapidshare3 (74.34 MB)
pass: hanalex
ou 
Mp3 320 Kbps
narod.ru (80.25 МB)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua participação!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

David Gilmour


Por gentileza informe links quebrados - Please report broken links

Nome

E-mail *

Mensagem *