.

.

20/05/13

Dark Side of the Moon 40th anniversary tone tutorial


David and his custom Bill Lewis guitar during the recording sessions in Abbey Road 1972. The guitar was used for the solo on Money.



Em homenagem a data do 40 º aniversário de "Dark Side of the Moon". O site mais famoso de tablaturas e partituras e principalmente focado nas composições do "Pink Floyd", oferece aos aficionados do instrumento mais charmoso da história do rock, a guitarra, um vídeo explicando os tons e a matéria ilustrando toda a técnica que tornou possível a "Gilmour", de sua parte, contribuir à criação do álbum mais importante da história do progressivo,  álbum que levou o "Pink Floyd" em estrelato da noite para o dia, por assim dizer, e logo a banda teve que aprender a lidar com as mesmas questões que estavam lidando as próprias  letras do álbum. Em particular para "Gilmour", mais importante ainda, "Dark Side of the Moon" também vê o guitarrista crescendo muito como músico, encontrando o seu lugar dentro da banda e estabelecendo-se como uma força criativa vital. Neste aspecto você também poderá ver  um pouco da história do álbum além de como você poderá recriá-lo conhecendo seus tons. Abaixo um trecho da matéria da gilmourish:

Nos primeiros Setups, "David" contou com o tom de sua Stratocaster e amplificadores valvulados Hiwatt. Isso não significa que é impossível recriar os tons sem um amplificador valvulado de valor elevado. Independentemente do que você tem, você configurá-lo para produzir um som limpo quente, encorpado, que será a base para todos os seus tons. 

Em qualquer guitarra é possível recriar, mas se você está procurando algo novo, então confira a série clássica da Vibe Squier ou, se você pode gastar um pouco mais, a excelente Fender Classic Series. Consulte o Guia do Comprador - Guitars para mais dicas. Além disso, confira no Guia, algumas dicas sobre como você pode transformar uma guitarra dentro do seu orçamento em um instrumento de alta classe.


David’s Dark Side of the Moon setup:

a lista completa de todas as guitarras, amplificadores e efeitos usados ​​no álbum e tours, incluindo as configurações para cada efeito e música corespondentes.




David e seu Preto Strat 1973.  Durante a gravação de Dark Side of the Moon a Strat contou com o '63 de pau-rosa no pescoço e um mini-selector adicional picape permitindo que o captador do braço para ser utilizado com qualquer meio ou captador de ponte.

Controle o seu tom

"David Gilmour" é um guitarrista da velha escola e, como muitos antes dele, não menos importante do que Hendrix. Ele aprendeu a criar uma grande paleta de tons com uma configuração muito limitada e simples considerando os recursos atuais, seu diferencial: sua criatividade. Usar o controle de volume da guitarra para controlar o seu tom foi um elemento fundamental para encontrar os tons certos. Assim  sua guitarra, soava limpa, mais quente, suavizando a maioria dos *transientes desagradáveis. Ouça em Wembley de 1974 o solo em "Breath". O tom super suave que você ouve é conseguido através do controle  do volume da guitarra e usando uma técnica minuciosa de variações.

Novamente de Wembley 1974, ouvindo os ritmos de "Money". Um "Fuzz Face" com o volume da guitarra entre de 4 ou 5. Mesmo com um fuzz de silício muito agressivo, você pode obter uma  ultrapassagem boa e clara. A seção do meio da canção também é um grande exemplo de como você pode obter timbres limpos, quase puros e overdrives pesados ​​ajustando constantemente o volume da guitarra.

A matéria é extensa e meus conhecimentos limitados, então neste post apenas tenho a intenção de levar ao conhecimento de quem possa interessar a existência do seu conteúdo, portanto diferente da maioria das ocasiões, para não falar bobagem, citei apenas alguns trechos e disponibilizo o link de acesso. Acho extremamente interessante está face da história deste álbum genial, e espero que possam curtir ou para quem têm o domínio do instrumento, quem sabe momentos inesquecíveis.



*surto de tensão elétrica que ocorre num intervalo de tempo muito pequeno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua participação!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

David Gilmour


Por gentileza informe links quebrados - Please report broken links

Nome

E-mail *

Mensagem *